cuscuz

Cuscuz Nordestino – sem segredos

Olá! Hoje, como autêntica nordestina, inspirada pelo ar, pela gente e pelas praias nordestinas – pois estive recentemente em Recife – vou ensinar a vocês como fazer um prato simples, barato, gostoso, sem segredos e que praticamente é o pão nosso de cada dia: o cuscuz.

Zemanta Related Posts Thumbnail

Ingredientes do cuscuz

* 1/2 pacote de cuscuz tipo flocão (prefiro a marca Novomilho, mas o Vitamilho também é bom)
* Sal a gosto
* Salsinha ou coentro, a gosto
* Cebola em rodelas, a gosto, para fritar a mistura
* 1 tomate sem sementes picadinho
* 3 colheres de margarina ou manteiga de garrafa
* Carne de sol picadinha, bacon, ovos fritos, carne de bode ou frango assado (para acompanhamento), a gosto
* Queijo mussarela ou manteiga, a gosto
* Queijo coalho frito em cubinhos, a gosto

Modo de preparo

Passo 1: Disponha o meio pacote de massa de cuscuz em um refratário médio, coloque uma pitada grande de sal e molhe bastante a massa até ficar bem úmida.

Enquanto isso…

* Coloque água no fundo da panela cuscuzeira para ferver.
* Frite a mistura que escolheu para servir com o cuscuz. Eu gosto muito de comê-lo com carne de sol acebolada picadinha ou ovos.

Passo 2: Depois, deixe a massa descansando uns 15 minutinhos. Ela vai inchar e praticamente dobrar de tamanho. Quando a água da cuscuzeira ferver, coloque o separador da cuscuzeira e espalhe a massa de forma homogênea, mas sem apertá-la. Tampe a panela e deixe cozinhar por uns 15 minutos em fogo médio. Quando estiver quase pronta, coloque por cima uma colher de margarina e três fatias de queijo e ponha a tampa novamente. Pronto o cuscuz, coloque-o num refratário e acrescente 2 colheres de margarina e misture o tomate picadinho e a carne ou queijo que escolheu. No Nordeste, o cuscuz é servido com café, mas também fica a seu critério. Para esse prato da foto, escolhemos carne de bode como mistura. E isso! Espero que gostem. Bom apetite! 🙂

cuscuz-carne-sol-cozinhadue

Truques da vovó

* A partir dos 10 minutos, tire a tampa e bata na massa com a colher, se a massa estiver fofinha é porque está pronta, mas por via das dúvidas, prove. Geralmente quando está crua fica com uns pontinhos brancos, você come e engasga um pouco.

* Depois de colocar a massa para descansar, caso você ache que a massa ficou muito seca, regue um pouco de água por sobre o cuscuz antes de levar ao fogo ou, até mesmo, quando estiver cozinhando.

Curiosidade

No Nordeste, o cuscuz é um prato que se come no café da manhã ou jantar.

2 comments on “Cuscuz Nordestino – sem segredosAdd yours →

  1. Faço em casa, mas nunca comi o cuscuz de outra pessoa. Depois de pronto, ele fica como se fosse um bolo, corto em fatias e eu acho que fica um pouco seco. Não sei se estou fazendo certo, pois o cuscuz da sua foto está esfarelado. Grata pela resposta.

    1. Olá, Thays! Quando você termina de fazer o cuscuz, ele fica com se fosse um bolo mesmo. É que na minha receita, depois de pronto, eu desmancho essa espécie de “bolo” e coloco bastante manteiga ou margarina e queijo, daí fica mais molhadinho. Porém, o segredo para não ficar muito seco é caprichar quando for molhar a massa, ou seja, você precisa regar o cuscuz com bastante água. Espero que eu tenha te ajudado. 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.